Início » Conheça os sintomas do câncer de rim e veja como é o tratamento

Conheça os sintomas do câncer de rim e veja como é o tratamento

O de rim é causado pelo desenvolvimento de células cancerosas (malignas) nos rins. Isso sangue na urina, caroço no abdômen, dor lombar, perda repentina de peso, fadiga extrema e febre. Segundo os médicos, afeta homens entre 55 e 75 anos de idade

No Brasil, a incidência de câncer renal é de 7 a 10 casos para cada grupo de 100 mil habitantes. O tipo mais comum deste câncer é o carcinoma de células renais.

O câncer de rim representa 3% das doenças malignas que acometem adultos em todo o mundo e é o segundo câncer mais frequente do sistema urinário, ficando atrás do câncer de bexiga.

Entre os fatores para o prognóstico estão: idade do paciente e da rapidez na qual o diagnóstico e o tratamento são iniciados. Quando se descobre o câncer no início, ele pode ser curado. Em estados mais avançados ou se já estiver espalhado, o tratamento será mais difícil.

Doenças genéticas, cigarro e obesidade podem favorecer o risco do desenvolvimento da doença. As pessoas que fazem tratamento de diálise para filtrar o sangue, devido a outros problemas renais, podem também estar passível a doença.

Não está claro quais são as causas de câncer de rim. Os médicos sabem que o tumor originado nos rins começa quando algumas células renais sofrem mutações em seu DNA, que passam a crescer e se multiplicar rápida e desenfreadamente.

Uma linha de investigação que vem ganhando muita aceitação na comunidade científica é a associação do câncer de rim com a síndrome plurimetabólica, na qual o organismo como um todo sofre os efeitos crônicos de uma vida sedentária, obesidade, emocional, de baixa qualidade, alimentação pobre em antioxidantes e rica em carne animal.

Leia Mais
Pensão por morte: Tenho direito sendo neto?

Sintomas

Um dos problemas do câncer de rim é que raramente sinais ou sintomas em seus estágios iniciais. Nos estágios mais avançados, no entanto, alguns sintomas são muitos comuns, como:

Presença de sangue na urina, dando a ela uma coloração anormal e avermelhada

Dor nas costas persistente, concentrada principalmente logo abaixo das costelas

Dor abdominal

Varicocele

Perda de peso

Dor no flanco

Fadiga

Febre intermitente.

Diagnóstico

A maioria dos casos é diagnosticada de forma “incidental” no momento da avaliação de algum outro problema de saúde ou check up de rotina.

Alguns podem detectar a doença:

de sangue

de urina

de imagem, como ultrassom, tomografia computadorizada e ressonância magnética

Biópsia, com a remoção de uma amostra de tecido do rim, que é enviada e testada em laboratório.

Tratamento

O tratamento será iniciado assim que for verificado o desenvolvimento do tumor. Em muitos casos, a cirurgia ajuda na remoção da parte afetada do rim e costuma ser acompanhada de terapia biológica.

Em fase inicial, a cirurgia pode ser o único tratamento necessário. Já nos casos mais avançados, a remoção pode ser usada juntamente com a radioterapia, por exemplo, para reduzir o tamanho do tumor.

Os que podem detectar o câncer de rim

Urologista

Clínico geral

Nefrologista

Oncologista

Hematologista.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.